Retail Big Show 2016 – A tecnologia como ferramenta de consumo varejista.

Entre os dias 17 e 20 de janeiro, Nova York foi sede da maior feira de varejo do mundo, a NFR Retail Big Show.  Nessa 105ª edição, o público, de quase 35.000 participantes, contou com a presença de 580 empresas do comércio varejista e de tecnologia de todo o mundo.

Foram apresentadas diversas soluções tecnológicas que geram experiências de marca de alto impacto no consumidor. Um exemplo é a Adidas que, com a utilização de etiquetas com tecnologia de identificação por radiofrequência (RFID), trouxe uma experiência de compra mais completa e interativa. Ao aproximar o telefone celular do tênis, tem-se a descrição detalhada do produto, as indicações de uso e ainda é possível ver um filme publicitário ou saber de alguma promoção exclusiva. As ações inéditas da marca podem ser percebidas cada vez que o celular se aproxima do produto, uma vez que a etiqueta é fixa e imperceptível por baixo do logo.

fotopost1

Outro destaque ficou por conta da Intel que, em parceria com a marca de Levi’s, apresentou um espelho interativo dentro dos provadores, nos quais será possível selecionar com poucos cliques o tamanho da peça ou uma cor diferente, além de recomendações de combinações de peças. Esse tipo de espelho interativo já pode ser visto em algumas lojas de Nova York.

fotopost2

A empresa de tecnologia Zebra apresentou um dispositivo com um scanner posicionado no carrinho de compras que confere agilidade nas compras ao escanear os produtos antes de coloca-los no carrinho. Além de fechar a própria compra, o consumidor também recebe mensagens promocionais, além de vídeos e recomendações de produtos. O pagamento pode ser feito de forma tradicional ou por meio de cartão de crédito ou cartão fidelidade.

fotopost3

A Retail Big Show abordou temas de interesse de toda a comunidade varejista com o foco principal nos aspectos comportamentais do consumidor. O caminho das compras mudou. Os multicanais de compras estão definitivamente estabelecidos. O consumidor hoje compra como e onde quiser, facilitado por intermédio das múltiplas plataformas tecnológicas disponíveis atualmente.

Um dos temas abordados na feira, este ano, foi a mudança de foco dos canais e das tecnologias necessárias para coletar dados dos consumidores e as formas de influência sob esse consumidor. Marcas e varejistas que não estiverem antenados às mudanças de comportamento de compra estão sujeitas a perder boas oportunidades de venda. A feira deixou claro que quem compra está muito mais interessado no contexto, história e propósito e dá mais valor ao que possa ser compartilhado, transformado e acessível.

Quer ficar por dentro dessas e de outras realidades de consumo? Acompanhe o nosso blog semanalmente e fique por dentro!

 

COMPARTILHAR ESTA NOTÍCIA
Share
Escrito por
Agência Life
Agência Life

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ASSINE NOSSA

NEWSLETTER


ENDEREÇO


wazewaze-hover

R. Espírito Santo, 1.892, Lourdes
Belo Horizonte/MG, 30160-030